A sensação russa Kliment Kolesnikov

Jovem nadador de 18 anos surpreendeu ao vencer os 100m livre no Euro Meet e confirma a grande fase que vive

29/01/2018 - Guilherme Freitas

Facebook Twitter
O russo Kliment Kolesnikov – Foto: Giorgio Scala/Deepbluemedia

O russo Kliment Kolesnikov – Foto: Giorgio Scala/Deepbluemedia

O dia 22 de dezembro de 2017 registrou o último recorde mundial do ano passado. O responsável pelo feito foi um jovem russo chamado Kliment Kolesnikov. Com o tempo de 48s90 estabeleceu uma nova marca mundial para os 100m costas em piscina curta durante as disputas da tradicional Copa Vladimir Salnikov em São Petersburgo. Tido como grande revelação da natação russa, Kolesnikov é apontado por especialistas da modalidade como um nome para despontar durante este ciclo olímpico.

Nascido em Moscou no dia 9 de julho de 2000, o jovem Kolesnikov teve uma temporada impactante em 2017. Primeiro no Campeonato Europeu Júnior onde conquistou sete medalhas. Depois no Mundial de Budapeste onde foi quarto colocado nos 200m costas e sexto com o 4x100m medley. Seu ápice porém, foi no Europeu de piscina curta onde ganhou cinco medalhas, sendo quatro de ouro. Ao longo do ano superou o recorde mundial júnior nos 100m e 200m costas várias vezes mostrando enorme consistência. (Assista ao vídeo abaixo onde ele bate o recorde mundial nos 100m costas e piscina curta)

 

 

No último fim de semana durante o Euro Meet o russo deu mostras do porque tem tudo para ser uma das grandes revelações internacionais durante esta temporada. Kolesnikov venceu em suas duas especialidades com certa facilidade nos 50m e 100m costas. Porém, o resultado que mais chamou atenção foi nos 100m livre. Na prova nobre ele deixou para trás os favoritos Duncan Scott e Shinri Shioura vencendo com um bom 48s52. O tempo é o segundo melhor deste ano atrás apenas do japonês Katsumi Nakamura que no mesmo fim de semana marcou 48s13 na Copa Kosuke Kitajima.

Seu desempenho nos 100m livre também é animador para o sempre competitivo revezamento 4x100m livre russo que agora pode ganhar mais um nadador de grande potencial. Alto (tem 1,95m) e com ótimos fundamentos (principalmente suas viradas), Kolesnikov vem abaixando ano a ano seus melhores tempos. Nesta temporada o russo terá mais duas ótimas oportunidades de tentar ser mais rápido tanto na piscina longa durante o Campeonato Europeu de Glasgow, quanto na piscina curta no Campeonato Mundial de Hangzhou.

Tags

Euro Meet Kliment Kolesnikov natacao natação russa recorde mundial revelação

Guilherme Freitas

Jornalista sênior da SWIM CHANNEL.

Notícias relacionadas