Allan do Carmo, o pioneiro

27/07/2015

Facebook Twitter

Allan do Carmo é o atual campeão do circuito mundial de 10 km em águas abertas da FINA, e também eleito o melhor nadador do mundo das maratonas aquáticas pela federação internacional em 2014. Seria um pecado um brasileiro melhor do planeta ser alijado de disputar sua especialidade em uma Olimpíada em seu paí­s. Se não se classificasse, repetiria a frustração de 2012, quando ficou fora da disputa em Londres, após ter estreado nos Jogos em Pequim-2008.

Hoje, o sol brilhou para Allan do Carmo. Era candidato ao pódio, mas era um bônus. O importante mesmo era terminar entre os dez primeiros na prova de 10 km no Mundial de Kazan e garantir a vaga olímpica. Em uma prova emocionante, Allan terminou na nona posição em 1h50min28s. O suficiente para alcançar o objetivo, com até alguma folga (chegou 5 segundos à frente do 11º colocado).

O vencedor foi o americano Jordan Wilimovsky, seguido do holandês (campeão europeu) Ferry Weertman e do grego Spyridon Gianiotis, que buscava o tricampeonato da prova. Assim, Allan é o primeiro atleta dos esportes aquáticos a garantir, nominalmente, sua vaga para o Rio-2016. Também é o terceiro atleta brasileiro, em todos os esportes, a alcançar o feito, se juntando a Hugo Calderano (tênis de mesa) e Yane Marques (pentatlo moderno). Único brasileiro campeão do circuito mundial no masculino, ele também é pioneiro no país entre os homens a ter disputado uma prova de águas abertas em Olimpí­adas (a modalidade estreou em Pequim-2008). Quem sabe, no ano que vem, ele continue com seu pioneirismo e, nas águas de Copacabana, alcance feitos ainda mais inéditos.

Por Daniel Takata

A equipe Swim Channel no Mundial de Kazan é patrocinada pela Finis, a melhor tecnologia para natação.

Tags

Águas abertas Allan do Carmo Campeonato Mundial Kazan-2015 Rio-2016