Brasil já passa das 30 medalhas em Auckland

24/04/2017

Facebook Twitter

Luiz Lima e Djan Madruga estão nadando em Auckland – Foto: Arquivo pessoal

A natação brasileira master vem sendo um dos destaques do Jogos Mundiais Master de Auckland, evento organizado pela International Masters Games Association começou na última sexta-feira, dia 21 de abril. Ao todo serão sete dias de disputas nas provas de natação em piscina e mais um dia para as águas abertas. O Brasil, que tradicionalmente conquista bons resultados em eventos da categoria master, vem fazendo uma boa campanha nas águas da Nova Zelândia. Até o momento o país já soma 31 medalhas e ainda teremos mais três dias pela frente.

Trinta e um nadadores brasileiros estão disputando o Mundial das categorias 35+ até 75+. Ao fim do quarto dia de disputas no Sir Owen Glenn National Aquatic Centre os atletas do Brasil já conquistaram 17 medalhas de ouro, 10 de prata e quatro de bronze. Luiz Lima e Matheus Ribeiro são os únicos atletas com 100% de aproveitamento em suas categorias. Luiz, atleta olímpico em Atlanta-1996 e Sydney-2000 e que também é o Secretário nacional de esportes de alto rendimento, venceu os 200m, 400m e 800m livre na categoria 40+. Já Matheus, que compete na categoria 30+, também triunfou nas mesmas provas. Veja abaixo um vídeo da chegada de Luiz Lima na prova dos 200m livre.

Entre outros destaques da delegação brasileira esta o medalhista olímpico em Moscou-1980, Djan Madruga que também soma três medalhas conquistadas em provas individuais: ouro nos 800m livre e prata nos 100m costas e 200m medley. Alfred Jacob na categoria 75+, Wolf Heineken também na 75+, Giseli Pereira na categoria 45+ e Iara Scarpelli também nos 45+ somam três medalhas no evento até agora.

Nas águas abertas teremos provas em três distâncias: 1,5 km, 2,5 km e 5 km que ocorreram na Praia de Takapuna no próximo domingo. Dezessete brasileiros estão inscritos para as travessias com destaque para Luiz Lima no 5 km e Djan Madruga nos 2,5 km. Os Jogos Mundiais Master são o primeiro grande evento internacional da categoria em 2017. Em agosto acontecerá em Budapeste o Mundial Master da Fina e em novembro é a vez do Sul-Americano Master em Arica, no Chile. Para acompanhar os resultados dos Jogos de Auckland visite o site oficial do evento clicando aqui.

Por Guilherme Freitas

Tags

Djan Madruga Jogos Mundiais Master Luiz Lima natação master