Roma

Caeleb Dressel brilha no primeiro dia de finais no ISL

Velocista bate dois recordes mundiais nos 50m livre e 100m borboleta na decisão da liga que ainda teve mais duas marcas mundiais

21/11/2020 - Guilherme Freitas

Facebook Twitter
International Swimming League - Foto: Divulgação/ISL
Caeleb Dressel - Foto: Mike Lewis

Caeleb Dressel - Foto: Mike Lewis

International Swimming League - Foto: Divulgação/ISL

Teve início hoje em Budapeste, na Hungria, a grande final do International Swimming League (ISL). E todos os holofotes do evento se voltaram para um nadador: Caeleb Dressel. O maior nadador do mundo na atualidade deu mais um show na Duna Arena: duas vitórias contundentes com dois novos recordes mundiais. Primeiro nos 100m borboleta com 47s78, tornando-se o primeiro homem a nadar a prova abaixo dos 48 segundos. Depois nos 50m livre com 20s16 chegando mais perto da casa dos 19 segundos e minutos depois nos .

O show de Dressel começou nos 100m borboleta. Com a saída arrasadora de costume, o americano tomou frente logo no início. Porém, não foi uma vitória fácil já que Chad Le Clos e seu compatriota Tom Shields apertaram o ritmo buscando pressioná-lo. Mas Dressel acelerou e conseguiu bater na frente com 47s78 para ser o primeiro da história a nadar na casa dos 47 segundos. O antigo recorde de Le Clos era de 48s08 desde 2016. Hoje o sul-africano fez 48s45. Já Shields fez seu melhor tempo na carreira: 48s47 e terceira melhor performance de todos os tempos.

Recorde dos 100m borboleta

 

Minutos depois ele retornou a piscina para um novo show, agora na prova mais rápida da natação. Nos 50m livre Dressel fez mais uma vez uma grande prova, com saída, virada e chegada perfeita. Bateu na borda com 20s16 superando seu antigo recorde mundial feito na final do ISL ano passado que era de 20s24. Dressel tentará ainda numa tomada de tempo e vestindo um traje especial da Speedo, nadar os 50m livre para 19 segundos. E pelo que vimos hoje é algo totalmente possível.

Além das marcas de Dressel, outros dois recordes mundiais caíram em provas de revezamento. O primeiro veio na abertura do revezamento 4x100m medley com Kliment Kolesnikov. O jovem russo abriu com o tempo de 48s58, superando em 30 centésimos o antigo recorde de Xu Jiayu. De quebra ele ajudou o time do Energy Standard a vencer a prova com 3min18s28. O segundo veio na versão feminina da prova com o time do Cali Condors, que teve quatro americanas (Olivia Smoliga, Lilly King, Kelsi Dahlia e Erika Brown) e estabeleceu uma nova marca com 3min44s52.

 

Recorde dos 50m livre

 

Os seis brasileiros integrantes de equipes classificadas para a final caíram na água hoje. Vinicius Lanza teve o melhor desempenho com seu melhor tempo nos 100m borboleta de 49s86 e sexta colocação. Já Guilherme Guido obteve a melhor colocação brasileira do dia, com o terceiro lugar nos 50m costas com 23s02. Felipe França ficou em quarto lugar nos 50m peito com 25s99, seu melhor resultado em seis anos. Fernando Scheffer foi o quarto nos 400m livre com 3min41s28 e Felipe Lima o sexto nos 50m peito com 26s01. Destaque também para Marco Antonio Jr que teve uma ótima parcial de 100m livre no revezamento 4x100m medley do LA Current: 46s86.

Amanhã tem o último dia de competições do ISL. O time do Cali Condors, turbinados com os recordes de Dressel, lidera o certame com 267 pontos, seguido pelo Energy Standard com 239,5 pontos, London Roar com 199,5 pontos e o LA Current com 177 pontos. Clique aqui para ver os resultados completos do dia. As finais deste domingo começam a partir das 14h com transmissão do Sportv e comentários do redator da SWIM CHANNEL, Daniel Takata.

Tags

Caeleb Dressel International Swimming League ISL natacao recorde mundial

Notícias relacionadas