Cameron van der Burgh anuncia aposentadoria

Medalha de ouro nos 100m peito neste Mundial de piscina curta de Hangzhou, sul-africano vai se dedicar a nova profissão

12/12/2018 - Guilherme Freitas

Facebook Twitter

O dia 12 de dezembro de 2018 está eternizado na memória de Cameron van der Burgh. O sul-africano conquistou de forma brilhante o título mundial dos 100m peito, superou o recorde de campeonato e ameaçou bater seu próprio recorde mundial. Tudo as vistas de Nefeli Valakenis, com quem se casou recentemente e estava presente ao complexo aquático em Hangzhou. Na coletiva após a prova esperava-se uma declaração sobre a medalha de ouro, porém, o sul-africano anunciou sua aposentadoria das piscinas.

Aos 30 anos de idade, van der Burgh tinha planos de continuar nadando até os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. Porém, nos últimos meses sua vida passou por drásticas mudanças. A começar pelo casamento com Nefeli em julho. Menos de dois meses depois o nadador mudou-se para Londres para trabalhar em uma empresa do mercado de petróleo. Mesmo conseguindo conciliar a natação com o novo trabalho, a rotina esta sendo bastante puxada para o atleta. Ele se dedicaria menos ao esporte e dessa forma sua preparação para encarara adversários seria prejudicada.

van der Burgh celebra seu título mundial – Foto: Reprodução

Todos foram pegos de surpresa pelo anúncio do sul-africano, já que muitos o imaginavam nadando por mais algum tempo. Ainda mais depois da ela performance na final dos 100m peito quando estabeleceu o recorde de campeonato com 56s01, ficando a 40 centésimos de sua própria marca mundial feita em 2009. Pelo que assistimos hoje, van der Burgh ainda poderia ser competitivo por mais algum tempo. Sua despedida oficial será sábado quando nada os 50m peito de olho em mais uma medalha para encerrar sua trajetória aquática.

Cameron van der Burgh despede-se da natação com diversas glórias. Foi campeão olímpico nos 100m peito em Londres-2012 e vice no Rio-2016; conquistou 16 medalhas em campeonatos mundiais de longa e curta; outras nove medalhas nos Jogos da Commonwealth e foi recordista mundial nos 50m e 100m peito tanto na piscina curta, quanto na longa. Um dos grandes da natação mundial e que vai fazer muita falta as piscinas.

Em homenagem a sua carreira a FINA publicou um vídeo com um compilado de todas as suas medalhas em campeonatos mundiais. Assista abaixo:

Tags

aposentadoria Cameron van der Burgh Mundial de curta natacao

Guilherme Freitas

Jornalista sênior da SWIM CHANNEL.

Notícias relacionadas