Gregorio Paltrinieri: o novo dono dos 1500m livre

26/05/2016

Facebook Twitter

Na semana passada aconteceu em Londres a 33ª edição do Campeonato Europeu de natação, evento que reuniu os principais atletas do continente e serviu como seletiva olímpica para alguns países. Diversos nadadores tiveram bons desempenhos, como os húngaros Katinka Hosszu e Lazslo Cseh que se tornaram os maiores medalhistas da história da Hungria, o britânico Adam Peaty que segue dominando as provas de peito e o francês Florent Manaudou que confirmou sua hegemonia nos 50m livre. Porém, ninguém foi tão expressivo quanto Gregorio Paltrinieri.

O italiano vive o melhor momento de sua carreira. Aos 21 anos, Paltrinieri foi de longe o grande destaque do Europeu de Londres. Nadou apenas as duas provas mais longas do programa e foi medalha de ouro em ambas. Terminou a competição ainda como o único nadador que conseguiu superar um recorde continental, ou melhor, destruir um recorde. A cada parcial nos 1500m livre o italiano abria mais e mais distância para seu antigo recorde europeu na prova que era de 14min39s67, feitos em sua campanha vitoriosa de Kazan. Ao fim, bateu na borda em 14min34s04.

O tempo não foi apenas quase seis segundos mais veloz que a antiga marca continental. Foi também a segunda melhor performance de todos os tempos na prova mais longa da natação. Apenas Sun Yang já nadou mais rápido que Paltrinieri, porém, será que a marca do chinês esta a perigo? Os 14min31s02 que deram o ouro a Yang nos Jogos de Londres podem ser alcançados pelo italiano no Rio-2016 caso ele continue evoluindo.

Paltrinieri busca derrubar o recorde mundial de Sun Yang no Rio - Foto: France Press Photo

Paltrinieri busca derrubar o recorde mundial de Sun Yang no Rio – Foto: France Press Photo

Uma motivação para Paltrinieri superar essa marca pode ser o próprio nadador chinês. No Campeonato Mundial de Xangai em 2011, Yang bateu o recorde mundial de Grant Hackett e um ano depois abaixou três segundos ratificando o recorde atual. É praticamente a mesma diferença que o italiano vai ter que tirar se quiser escrever seu nome na galeria dos recordistas mundiais.

Com um excelente ciclo olímpico Gregorio Paltrinieri se firma como o principal fundista da atualidade e torna-se o favorito para ganhar a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio-2016 e destronar o reinado de Sun Yang. Potencial para isso ele tem de sobra, resta saber se confirmará as expectativas no dia 13 de agosto, data da final olímpica dos 1500m livre.

Confira abaixo a prova dos 1500m livre no Campeonato Europeu de Londres, com novo recorde continental de Gregorio Paltrinieri:

Por Guilherme Freitas

Tags

Campeonato Europeu fundistas Gregorio Paltrinieri Jogos Olímpicos Rio-2016