Gustavo Borges comenta sobre o Raia Rápida

20/09/2016

Facebook Twitter

No próximo domingo acontece a quinta edição do Desafio Raia Rápida, evento criado em 2012 e que reúne anualmente na cidade do Rio de Janeiro velocistas de quatro países. Este ano participam as mesmas nações do ano passado: África do Sul, Itália, Estados Unidos e o anfitrião Brasil. O formato do desafio, com baterias eliminatórias de cada estilo até restar o mais veloz e a disputa final do revezamento 4x50m medley, é bastante dinâmico e prático, principalmente para a transmissão da TV.

Novamente o Raia Rápida será televisionado pela TV Globo, dentro da programação do Esporte Espetacular. E mais uma vez teremos Gustavo Borges comentando o evento. A SWIM CHANNEL perguntou ao ex-nadador se o Brasil, que conta com quatro atletas olímpicos em sua equipe, tem alguma vantagem sobre os adversários.

“Acho que o Brasil tem uma vantagem pelo fato do Troféu José Finkel ter terminado há poucos dias e é possível que os atletas estiquem o polimento. Em provas de 50m estilo é uma vantagem importante”, conta Gustavo citando a competição que foi disputada em Santos e teve a presença dos quatro velocistas do time brasileiro.

Gustavo sempre acompanha o Raia Rápida. Na imagem ele posa com os franceses Manaudou e Bosquet em 2013 - Foto: YesSwim

Gustavo sempre acompanha o Raia Rápida. Na imagem ele posa com os franceses Manaudou e Bosquet em 2013 – Foto: YesSwim

Para o comentarista da TV Globo, o Brasil vem com uma força maior pelo fato de contar com atletas experientes e velozes, mas diz que em provas de 50 metros sempre há muito equilíbrio. “Talvez o Anthony Ervin, por ser o atual campeão olímpico e pela sua qualidade, tenha uma vantagem sobre os demais, mas é muito difícil arriscar algum palite. E também será curioso observar a performance dos atletas neste Raia Rápida, já que alguns continuaram treinando e outros tiraram férias”.

Além de empresário e comentarista, Gustavo também é embaixador da marca Myrtha Pools, apoiadora do Raia Rápida e empresa responsável pela tecnologia da piscina da disputa, o Olympic  Aquatic Stadium. Uma das curiosidades da piscina é sua hidrodinâmica idêntica entre as oito raias da piscina para os nadadores. Para Gustavo essa característica também pode auxiliar a performance. “A piscina é moderna e pode ajudar no desempenho dos nadadores, mas numa prova de 50 metros o importante é bater na frente”, finaliza.

O Desafio Raia Rápida terá transmissão ao vivo na TV Globo no próximo domingo, a partir das 10h. Aproveite e baixe aqui o guia completo da edição 2016 do Raia Rápida.

Por Guilherme Freitas

Tags

Gustavo Borges Myrtha Pools Raia Rápida TV Globo