0

Você não possui itens no carrinho de compras.

Voltar para a Home do Blog

Show de recordes no Campeonato Paulista

Guilherme Costa bateu dois recordes sul-americanos - Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

Guilherme Costa bateu dois recordes sul-americanos – Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

A piscina do Esporte Clube Pinheiros recebeu no último fim de semana mais uma edição Campeonato Paulista Júnior e Sênior de Verão, principal evento da Federação Aquática Paulista. E pela primeira vez foi disputada as finais do Troféu FAP, uma nova competição que reúne os melhores nadadores do dia. Pela manhã os atletas nadavam separadamente nas categorias júnior 1, júnior 2 e sênior e a no fim da tarde voltavam para a piscina para essa finalíssima. Além do título havia premiação em dinheiro para os três melhores colocados em cada prova.

Faltando três semanas para o Torneio Open muitos atletas usaram a competição como um treino para o último grande evento da temporada. E alguns deram mostras que podem obter ótimos resultados na competição nacional que acontecerá mês que vem no Rio de Janeiro. A começar por Guilherme Costa da Unisanta.

A nadadora Julia Sebastian - Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

A nadadora Julia Sebastian – Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

O Cachorrão como é conhecido bateu dois recordes sul-americanos neste Campeonato Paulista. O mais expressivo foi sem dúvida nos 1500m livre. Com 15min00s54 ele ficou a pouco mais de meio segundo de se tornar o primeiro brasileiro a romper a casa dos 15 minutos na prova mais longa da natação. Seu resultado foi ainda um segundo e meio melhor que o antigo recorde e mostra que é questão de tempo para nadar a prova em 14 minutos. Seu outro recorde veio nos 800m livre com 7min56s29, quebrando a antiga marca do argentino Martin Naidich.

A competição teve outro recorde sul-americano, com a argentina Julia Sebastian. Figurinha carimbada nas competições nacionais, Julia vinha perseguindo há anos a marca continental dos 200m peito. A nadadora, que no Brasil representa a Unisanta, conseguiu superar por apenas três centésimos o antigo recorde que pertencia a sua compatriota Macarena Ceballos ao nadar para 2min26s87.

O velocista Pedro Spajari - Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

O velocista Pedro Spajari – Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

O Paulista ainda eve outro resultado bem expressivo. O velocista do Pinheiros Pedro Spajari venceu os 100m livre com um belo tempo: 48s29, marca que o coloca no top 20 mundial da prova e que o credencia a uma vaga no já fortíssimo revezamento 4x100m livre do Brasil para os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. Spajari não baixava dos 49 segundos desde 2015 e este resultado fará com que a briga para entrar na equipe será intensa até o final. O Pinheiros foi o campeão do Paulista e os resultados completos podem ser encontrados aqui.

por Guilherme Freitas

Deixe um comentário

To Top