Os momentos marcantes dos dez anos do Rei e Rainha do Mar

Maior festival de esportes de praia do Brasil completa uma década e no próximo fim de semana já tem etapa na Praia de Copacabana

15/05/2019 - Patrick Winkler

Facebook Twitter
Rei e Rainha do Mar - Foto: Gilvan Souza
Rei e Rainha do Mar - Foto: Gilvan Souza

Rei e Rainha do Mar - Foto: Gilvan Souza

Rei e Rainha do Mar - Foto: Gilvan Souza

O principal evento de esportes de praia do Brasil esta completando uma década de existência. Disputado pela primeira vez em 2009, o Circuito Rei e Rainha do Mar cresceu e hoje é um dos eventos mais aguardados pelos atletas da natação em águas abertas. Para entender melhor sobre a importância desta comemoração, a SWIM CHANNEL conversou com o principal responsável pela competição: Pedro Monteiro, ex-nadador da seleção brasileira e diretor da Effect Sports. Confira o bate-papo abaixo.

SWIM CHANNEL: De fato, dez anos de um grande evento é algo para se comemorar. Quais são as atividades comemorativas que o Rei e Rainha do Mar preparou para esta campanha histórica?
PEDRO MONTEIRO: Vamos fazer um grande evento para celebrar essa data tão importante pra gente e para nossos atletas. Uma das inovações que pretendemos ter para a edição de 2019 será a inserção de caixas de som dentro da água. Dessa forma, o nadador poderá escrutar uma música durante o percurso da prova. Ainda não está confirmado, mas a intenção é ter essas caixas de som próximas a cada boia do evento. Mas ressalto que renovar com patrocinadores não está sendo fácil e ainda estamos na busca de novos apoiadores para essa ideia.

Rei e Rainha do Mar – Foto: Reprodução

SWIM CHANNEL: E falando um pouco do passado, você já viveu várias momentos nesta década de Rei e Rainha do Mar. Queremos saber qual foi o momento mais inesquecível que você passou nesse tempo?
PEDRO MONTEIRO: Tivemos muito momentos marcantes que falar só um é quase impossível. Houve muitas histórias de superação na prova amadora e que muitas vezes não vem a público. De pessoas que começaram a nadar no mar em uma de nossas etapas ou daqueles que vieram de longe apenas para nadar uma prova e poderem dizer um dia que participaram do Rei e Rainha do Mar. Essas histórias são muito marcantes. Na prova de elite o legal foi que tivemos participações de vários medalhistas olímpicos e mundiais, que engrandeceram o evento. Mas uma história bem legal e curiosa aconteceu com o nadador sul-africano Chad le Clos. Ele acabou sendo convidado por nós por engano para nadar uma edição do Desafio de Elite. Na época ele não era tão conhecido internacionalmente, mas na verdade o convite era para o maratonista aquático Chad Ho. Nós convidamos o Chad errado (risos). Para quem não sabe, o Chad Le Clos é o maior herói da história da natação sul-africana e Chad Ho foi campeão mundial de águas abertas, mas não é tão famoso quanto seu xará. Até hoje eu acho essa historia muito engraçada. E são histórias assim que fazem esse evento ser tão importante. Histórias engraçadas, tristes e felizes. Todas muito marcantes para nós.

SWIM CHANNEL: E qual edição nestes dez anos mais te marcou? Você se lembra de alguma em especial?
PEDRO MONTEIRO: É difícil falar em apenas uma, foram tantas que a gente até perde a conta. Acredito que o conjunto de todas elas e de todas as pessoas que já passaram por aqui foi marcante para mim.

Chad Ho – Foto: Reprodução

SWIM CHANNEL: E como você analisa o crescimento nestes 10 anos?
PEDRO MONTEIRO: O Rei e Rainha do Mar cresceu muito em termos de organização, público e movimentação. Começamos com uma prova masculina amadora que foi crescendo e se transformou no maior festival de esportes de praia do Brasil. Acredito que o ano de 2010 foi extremamente marcante na história do Rei e Rainha do Mar. Foi neste ano que o circuito e o desafio passaram a receber também as “rainhas” do mar e o evento passou a se chamar Rei e Rainha do Mar. Lembro que 2012 também foi uma data importante porque entraram no programa do circuito outras duas provas: o Beach Run e o SUP Race, ampliando o leque de atletas. E foi neste ano também que o Rei e Rainha do Mar foi coroado o maior festival de esportes de praia do Brasil; status consolidado no ano seguinte quando mais de 10 mil atletas participaram de todas as etapas do evento.

SWIM CHANNEL: Você já disse que vários medalhistas olímpicos e mundiais participaram do desafio de elite nesses dez anos de Rei e Rainha do Mar. Mas qual atleta você gostaria que tivesse nadado o Rei e Rainha do Mar e ainda não teve a oportunidade de vir ao Brasil?
PEDRO MONTEIRO: Ao longo dos anos o Desafio Elite Rei e Rainha do Mar contou com ilustres presenças na Praia de Copacabana. Dentre elas o australiano Trent Grimsey, o tunisiano Oussama Mellouli, o americano Aaron Peirsol, a britânica Keri–Anne Payne, o holandês Ferry Weertman (atual campeão olímpico) e muitos outros nomes, além dos brasileiros Poliana Okimoto, Ana Marcela Cunha e Allan do Carmo que sempre participaram do evento. Já sondamos vários nadadores internacionais, mas gostaria muito de ter conseguido trazer ao Brasil a dupla australiana Ian Thorpe e Grant Hackett. São duas lendas do esporte e por muito pouco não conseguimos contar com a participação destes ícones em nosso evento.

Atletas de elite que já nadaram no Rei e Rainha do Mar – Foto: Reprodução

SWIM CHANNEL: Já tivemos uma edição do Rei e Rainha do Mar em Portugal neste dez anos. Existe algum planejamento para voltar a ter eventos fora do Brasil?
PEDRO MONTEIRO: Agora com o corte de patrocínio não estamos pensando muito nisso, mas quem sabe mais para frente? Aquela edição em Portugal foi muito marcante e em outras cidades pelo Brasil também. Com certeza queremos fazer mais edições pelo Brasil e fora dele.

SWIM CHANNEL: Para encerrar nossa conversa deixe aqui uma mensagem para todos os fãs do Rei e Rainha do Mar.
PEDRO MONTEIRO: Somos muito apaixonados pelo o que fazemos e queremos deixar o evento ainda mais perfeito para vocês. Somos detalhistas, até chatos para os detalhes e perseguimos a ideia de que a cada evento queremos nos superar. Obrigado a todos os fãs e vamos seguir fazendo um evento que respeite a família, a natureza e o esporte!

Tags

Águas abertas Effect Sport natacao Pedro Monteiro Praia de Copacabana Rei e Rainha do Mar

Patrick Winkler

Editor-chefe da SWIM CHANNEL.

Notícias relacionadas