Poliana nada em Hong Kong com chances de título

14/10/2016

Facebook Twitter

A temporada 2016 da Copa do Mundo de águas abertas da Fina chega ao fim logo mais com a disputa da prova de 10 km em Hong Kong. Ao todo serão 72 atletas, 41 no masculino e 31 no feminino, caindo nas águas da Repulse Bay para descobrimos quem serão os dois campeões do circuito. Quatro atletas estão na briga pelo título e pelo prêmio de US$ 30 mil oferecido aos vencedores.

No feminino a italiana Rachele Bruni, atual vice-campeã olímpica, lidera o ranking 2016 com 66 pontos e é a grande favorita para levar a taça de campeã. Se confirmar esse favoritismo conquistará a competição pelo segundo ano seguido. Porém, ela terá uma adversária duríssima: Poliana Okimoto. Campeão em 2009, a brasileira chega a Hong Kong com uma desvantagem de oito pontos, mas ainda tem chances de sair da Ásia com o título. Para que isso aconteça Poliana precisa chegar no mínimo em sexto lugar e torcer para que a italiana faça uma prova muito ruim.

Ana Marcela Cunha também disputa a prova em Hong Kong - Foto: Satiro Sodre/SSPress

Ana Marcela Cunha também disputa a prova em Hong Kong – Foto: Satiro Sodre/SSPress

 

“Gosto muito de nadar essa etapa de Hong Kong, já fui várias vezes campeã dela. Desta vez, estou adaptada com o fuso e o clima. Vamos lutas para fazer uma boa prova e tirar essa diferença, oito pontos é complicado, mas vamos dar o nosso melhor”, conta a nadadora que teve um 2016 inesquecível com a conquista da medalha de bronze nos Jogos Olímpicos do Rio-2016. Na Copa do Mundo até agora ela já conquistou dois pódios.

A prova feminina ainda terá outra brasileira: Ana Marcela Cunha. Após o desempenho abaixo das expectativas no Rio-2016 quando ficou apenas décima colocação, a nadadora pretende iniciar uma volta por cima visando os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. Por isso, ir bem em Hong Kong será essencial para essa recuperação de Ana Marcela, que já venceu três vezes a Copa do Mundo (2010, 2012 e 2014) e não tem mais chances de levar a taça este ano.

 

Allan do Carmo tenta ir novamente ao pódio na Copa do Mundo - Foto: Satiro Sodre/SSPress

Allan do Carmo tenta ir novamente ao pódio na Copa do Mundo – Foto: Satiro Sodre/SSPress

 

Na prova masculina a disputa do título será entre Andreas Waschburger e Simone Ruffini. O alemão é o líder da temporada com 80 pontos e vê o italiano se aproximar. Na etapa passada em Chun’An Ruffini venceu e diminuiu a distância para apenas seis pontos. Ambos estarão em ação na Repulse Bay e com certeza farão uma prova bastante estratégica. O Brasil terá a participação de Allan do Carmo, que na última etapa ele ficou com a medalha de bronze e novamente esta cotado para subir ao pódio da Copa do Mundo, e Diogo Villarinho.

A prova de 10 km de Hong Kong acontece nesta sexta-feira a partir das 20h, horário de Brasília. Para acompanhar ao vivo a prova acesse o site da Fina clicando aqui.

Tags

Águas abertas Copa do Mundo Fina Hong Kong Poliana Okimoto