Ryan Lochte de olho em dois recordes olímpicos

Caso se classifique para os Jogos ano que vem, nadador americano poderá estabelecer marcas históricas em Tóquio

01/04/2020 - Alexandre Pussieldi

Facebook Twitter
Ryan Lochte - Foto: TYR/Reprodução
Ryan Lochte - Foto: Mike Lewis/Ola Vista Photography

Ryan Lochte - Foto: Mike Lewis/Ola Vista Photography

Ryan Lochte - Foto: TYR/Reprodução

* Publicado originalmente na Best Swimming no dia 30 de março de 2020

Se os Jogos Olímpicos de Tóquio fossem realizados na data programada, 24 de julho deste ano, e Ryan Lochte pegasse o time americano, ele passaria a ser o nadador americano mais velho a fazer parte da equipe olímpica. Com 35 anos de idade, Lochte iria bater por alguns meses o recorde de Anthony Ervin, campeão do 4×100m livre e dos 50m livre nos Jogos Olímpicos do Rio-2016. Com a mudança para 2021, Lochte já vai chegar com 36 anos se confirmar sua vaga no US Olympic Trials.

Fora isso, Lochte pode estabelecer outro recorde, este na verdade igualar Michael Phelps e Dara Torres, se tornando o terceiro nadador dos Estados Unidos com cinco participações olímpicas. Estreante em Atenas-2004, então com 20 anos, Lochte voltou a Pequim-2008, Londres-2012 e Rio-2016. No total, são 12 medalhas olímpicas, sendo seis de ouro, três de prata e três de bronze.

Ryan Lochte – Foto: AP Photo

Desde o incidente que marcou o fim da sua última Olimpíada, Ryan Lochte passou por uma série de altos e baixos nestes quatro anos:

* Logo após retornar para os Estados Unidos foi suspenso pela USA Swimming por dez meses.

* Nos dias seguintes aos Jogos do Rio perdeu todos os seus patrocinadores, uma perda anual em torno de 3 milhões de dólares.

* Meses depois dos Jogos do Rio, participou da Dança com os Famosos na TV americana (Dancing with Stars) sendo eliminado na sétima semana. Duas semanas antes, foi atacado por uma pessoa do auditório revoltada com o episódio da Olimpíada do Rio.

Ryan Lochte – Foto: Mike Lewis

* Casou em 2018 com a modelo Kayla Rae Reid e tiveram dois filhos: Caiden Zane e Liv Rae.

* No mesmo ano foi suspenso por 14 meses pela infusão de vitaminas em uma clínica, prática considerada ilegal pela WADA.

* Lochte esteve internado num centro de reabilitação para alcóolatras.

* Perdeu mais de dez quilos no ano passado.

* Segue respondendo ao processo por falsa comunicação de crime no Brasil.

Ryan Lochte – Foto: TYR/Reprodução

Ryan Lochte está vivendo em Gainesville. Segue treinando com Gregg Troy, seu treinador em três das quatro Olimpíadas e onde alcançou os melhores resultados de sua carreira. É companheiro de treinamento de Caeleb Dressel no Gators Swimming Club.

Tags

Alexandre Pussieldi Best Swimming Jogos Olímpicos natacao Ryan Lochte Tóquio-2020 Tóquio-2021

Alexandre Pussieldi

Editor-chefe da Best Swimming e colunista da SWIM CHANNEL.

Notícias relacionadas