Ryan Lochte em Tóquio-2020?

Americano nadou esta semana os 200m medley para 1min57s80. Será que ele consegue se classificar para os Jogos Olímpicos

01/08/2019 - Patrick Winkler

Facebook Twitter
Ryan Lochte - Foto: TYR/Reprodução
Ryan Lochte - Foto: AP Photo

Ryan Lochte - Foto: AP Photo

Ryan Lochte - Foto: TYR/Reprodução

Os Estados Unidos é o país mais forte do mundo na natação de piscina. E uma vez mais foi o principal time no quadro geral de medalhas no Campeonato Mundial de Esportes Aquáticas da FINA. Mas a seleção ficou muito longe de seu real potencial e de maneia “agressiva” podemos dizer que o time americano não nadou bem, principalmente entre os homens.

A exceção de Caeleb Dressel, apenas três nadadores chegaram ao pódio: Ryan Murphy nos 200m costas, Chase Kalizs nos 200m medley e Jay Litherland nos 400m medley, sendo que nenhum deles venceu alguma prova individual em Gwangju. Assim, fica possível imaginar um retorno de Ryan Lochte a seleção para os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. Logicamente que a missão é duríssima, e a seletiva norte americana para os Jogos Olímpicos é uma das competições mais fortes do mundo.

Mas o que Ryan Lochte pode fazer?

Ryan Lochte – Foto: TYR/Reprodução

400m medley
Inviável!
Pela idade e pela atual fase do nadador, é extremante difícil imaginar que ele tentará algo nesta prova. Vale lembrar que foi campeão olímpico nos 400m medley em Londres-2012

200m medley
A melhor chance!
Não há dúvida que Chase Kalisz é o melhor nadador dos Estados Unidos e campeão mundial em Budapeste-2017. A segunda vaga está em aberta e tem diversos nadadores com reais chance de alcançá-la, incluindo: Devine, Abraham e Jay Litherland. Lochte é o atual recordista mundial da prova com 1min54s00 e vai lutar com tudo por esta segunda vaga no time.

Ryan Lochte – Foto: Mike Lewis

200m costas
O cronograma não ajuda!
Para quem conhece o programa dos Jogos Olímpicos, sabe que os 200m Costas e os 200m Medley acontecem na mesma etapa e com um intervalo mínimo de aproximadamente 28 minutos. No auge da carreira, Lochte nunca conseguir nadar bem as duas provas na sequência. Em Pequim-2008, foi ouro nos 200m costas e depois terminou “morto” nos 200m medley na terceira posição. Em Londres-2012, foi bronze nos 200m costas e mesmo sendo favorito nos 200m medley, terminou com a prata atrás de Phelps. Ou seja, é melhor priorizar os 200m medley para a seletiva de Tóquio. Outro fator é que a forte concorrência já que Ryan Murphy e Jacob Pebley estão em vantagem.

100m costas
Improvável!
O nadador nunca priorizou esta prova. Mesmo em Campeonatos Mundiais foram apenas duas participações.

Ryan Lochte – Foto: AP Photo

100m livre
Nem sonhando!
Mesmo no auge da carreira Lochte só consegui a vaga no revezamento 4x100m livre uma única vez em Londres-2012. Na ocasião “afundou” o revezamento e os EUA terminaram com a prata, atrás da seleção francesa.

200 Livre
Ótima opção!
Lochte é tetra campeão olímpico do revezamento 4x200m livre e já foi campeão mundial da prova. Tradicionalmente os EUA levam atletas reservas para nadar os revezamentos. Ou seja, mesmo que termine na quinta ou as vezes até mesmo na sexta posição, o atleta é convocado. Nesta prova, da maneira mais “marketeira” possível, o nadador pode vir a se tornar pentacampeão olímpico e cravar ainda mais seu nome na história. Pentacampeão é algo que nem mesmo Michael Phelps tem no currículo.

Ryan Lochte – Foto: TYR/Reprodução

Não falta muito para os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020 e naturalmente, com o término do Mundial de Gwangju, a atenção está toda direcionada as Olimpíadas. Esta semana, Ryan Lochte marcou o tempo de 1min57s80 nos 200m medley. Uma marca regular e nada de espetacular, mas mostrou que não está aposentado.

Mesmo com assombrosa performance de Dressel no Campeonato Mundial, Lochte continua sendo o nadador americano em atividade, mais famoso em seu país. Ao que parece, ainda escutaremos muito sobre o polêmico nadador, nos próximos 12 meses.

Tags

Jogos Olímpicos natacao Ryan Lochte Tóquio-2020 USA Swimming

Patrick Winkler

Editor-chefe da SWIM CHANNEL.

Notícias relacionadas