Travessia do Leme ao Pontal faz parte da Tríplice Coroa Sul-Americana

Uma das mais tradicionais ultramaratonas do país entra na lista das mais desafiadoras provas da América do Sul

07/02/2019 - Katarine Monteiro

Facebook Twitter
Travessia Leme ao Pontal - Foto: Reprodução

Travessia Leme ao Pontal - Foto: Reprodução

A Travessia do Leme ao Pontal foi convidada nesta semana a integrar a Tríplice Coroa Sul-Americana de ultramaratonas aquáticas. O grupo de maratonas reunirá três das mais difíceis e deslumbrantes provas da América do Sul: a Travessia Beagles na Argentina e Chile, a Travessia Rio de la Plata na Argentina e Uruguai e a Travessia do Leme ao Pontal, no Rio de Janeiro.

A Travessia do Leme ao Pontal, de aproximadamente 36 km, foi criada pelo ultramaratonista aquático Adherbal de Oliveira e pelo técnico Renato Ribeiro com a intenção de incentivar cada vez mais o desenvolvimento de provas desse perfil no país.

O Canal de Beagle, que tem 14 km, fica entre a Argentina e o Chile e a temperatura da água varia entre 5° C e 11° C. A última travessia que integra a Tríplice Coroa é a Travessia do Rio de la Plata, que tem 42 km de extensão e as águas variam de 20° C a 26° C, entre o Uruguai e a Argentina. Os desafios farão com que o nadador se desafie no mar, no rio e em águas gélidas da América do Sul.

Travessia do Leme ao Pontal faz parte da Tríplice Coroa Sul-Americana

Travessia do Leme ao Pontal faz parte da Tríplice Coroa Sul-Americana – Foto: Reprodução

O objetivo da Tríplice Coroa é promover e incentivar a prática da natação em águas abertas nos cenários sul-americanos, além de mostrar a força e crescimento da modalidade em cada região.

O desafio será uma versão do Desafio dos Sete Mares, mas com apenas três provas na América do Sul. O Desafio dos sete mares original que consiste em atravessar a nado sete das mais difíceis provas de águas abertas do mundo: Canal da Mancha (Inglaterra/França), Canal de Catalina (Estados Unidos), Estreito de Gibraltar (Espanha/Marrocos), Canal do Norte (Irlanda do Norte/Escócia), Canal de Molokai (Estados Unidos), Estreito de Cook (Nova Zelândia) e Canal de Tsugaru (Japão).

“Fomos convidados a participar da Tríplice Coroa Sul-Americana pela confiança dos nadadores LPSA e pela torcida e divulgação dos amantes das águas abertas que curtem as emoções da maior e mais bela travessia do Brasil”,  comentou a Leme to Pontal Swimming Association (LPSA), em sua página mo Facebook. Mais detalhes sobre a prova serão divulgados em breve na página da Travessia do Leme ao Pontal.

Tags

Águas abertas natacao Travessia Beagles Travessia do Leme ao Pontal Travessia Rio de la Plata Tríplice Coroa Sul-Americana ultramaratona aquática

Katarine Monteiro

Jornalista da SWIM CHANNEL.

Notícias relacionadas