Ultramaratona nas águas amazônicas

O Amazon Challenge, com provas de 18 km e 30 km e que é disputado no Rio Negro, já tem quatro travessias programadas para 2020

26/03/2020 - Guilherme Freitas

Facebook Twitter
O encontro das águas - Foto: Reprodução

O encontro das águas - Foto: Reprodução

Em breve as águas do Rio Negro estarão novamente sendo palco de braçadas e pernadas. A temporada 2020 do Amazon Challenge teve que ser modificada em razão da pandemia do COVID-19, que afetou e segue afetando o esporte em todo mundo. Nas densas águas do famoso rio amazônico nadadores de diferentes regiões do país irão se desafiar testando seus limites nos próximos meses.

O Amazon Challenge consiste em duas ultramaratonas nas águas do famoso Rio Negro em plena região amazônica. A prova mais curta tem 18 km de percurso e chama-se Tupé-Manaus. Já a prova mais longa tem 30 km de extensão com o nome de Açutuba-Manaus, sendo considerada por muitos nadadores como uma das mais desafiantes e eletrizantes provas de águas abertas do Brasil. Afinal, nadar longas distâncias em uma água com alto graus de acidez e temperatura elevada em comparação com outros locais no país não é para qualquer um.

Vitor Gadelha nadará a prova de 18 km – Foto: Alcides Netto

A primeira tentativa de 2020 aconteceria em março com Vitor Gadelha, que já havia reservado as datas de 28 e 29 do mês. Porém, devido o COVID-19 teve que mudar seus planos para tentar se tornar a primeira pessoa a nadar o Amazon Challenge nos dois percursos. Agora Vitor reagendou sua prova de 18 km para a segunda quinzena de abril, mas tudo ainda vai depender do desenrolar do surto da pandemia e do clima na região.

A temporada ainda tem programada mais três travessias, todas de 30 km de percurso. Na janela dos dias 18 a 25 de maio, o paulista Carlos Henrique Valença Souza vai nadar o desafio nas águas do Rio Negro. A seguir é a vez do cearense Mário Áureo que encara a ultramaratona entre os dias 10 e 11 de julho. Por fim, a gaúcha Sabrina Mazzola fecha a temporada do Amazon Challenge na janela dos dias 6 a 12 de agosto.

Até hoje já foram realizadas dez travessias do Amazon Challenge, sendo oito de forma individual e duas em revezamento, todas na distância de 30 km. A primeira travessia aconteceu em 2017 quando Vitor Gadelha nadou 30 km nas águas do Rio Negro para arrecadar fundos a caridade. Em 2019 o desafio foi ratificado de vez e ganhou uma nova distância de 18 km. O atual recordista do percurso de 30 km é o paulista Marcos Fraccaro com o tempo de 5h39min53s feitos em dezembro do ano passado (veja no vídeo acima).

Os organizadores do Amazon Challenge também são os responsáveis pelo Rio Negro Challenge, que este ano terá três etapas. A primeira delas será no dia 5 de julho e terá as distâncias de 2 km, 4 km e 6 km. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas aqui.

Tags

Águas abertas Amazon Challenge Aquática Amazonas natacao Rio Negro Rio Negro Challenge

Guilherme Freitas

Jornalista sênior da SWIM CHANNEL.

Notícias relacionadas