Um diamante chamado Murilo Sartori

20/12/2016

Facebook Twitter

No começo do mês aconteceu na cidade de Aracaju o Campeonato Brasileiro Infantil de Verão, competição que reuniu os melhores nadadores das categorias infantil 1 e 2. Um evento muito forte que registrou 11 recordes nacionais de categoria e 13 novas marcas de campeonato. Entre todos os bons atletas presentes a piscina do Parque Aquático Zé Peixe um deles se sobressaiu pelos resultados bastante expressivos: Murilo Sartori.

Há algum tempo o jovem nadador da Natação Americana vem chamando a atenção de muita gente da comunidade aquática graças a sua incrível evolução que resultam em históricas performances e quebras de recordes. Sartori vem superando marcas desde o petiz quando surgiu de vez para o cenário nacional durante o Sudeste Mirim Petiz de Verão. Na ocasião superou três recordes paulistas. Ano passado, na categoria infantil 1, enfileirou medalhas de ouro e prêmios de índice técnico em Campeonatos Paulista, Brasileiro, Troféu Kim Mollo e Troféu Chico Piscina.

Sartori vem chamando a atenção desde o petiz - Foto: Liliane Yoshino/FAP

Sartori vem chamando a atenção desde o petiz – Foto: Liliane Yoshino/FAP

Neste ano ele esta ainda melhor. Antes do Brasileiro de Verão em Aracaju ele já havia superado recordes estaduais e brasileiros. Na piscina curta estabeleceu recordes paulistas dos 100m ao 1500m livre, mostrando uma diversidade impressionante para nadar provas tão distintas. Na piscina longa também havia brilhado no Campeonato Paulista de Inverno e também no Troféu Chico Piscina. A performance magnífica no Brasileiro Infantil foi a cereja do bolo de Sartori. O jovem nadador terminou a competição com quatro vitórias (100m, 200m e 400m livre e 200m medley), três novos recordes de campeonato (todos nas provas de livre batendo inclusive marcas de Felipe Souza Ribeiro e Brandonn Almeida) e premiado como atleta mais eficiente e dos melhores índices técnicos. Atingiu ainda a histórica marca de tornar-se o primeiro nadador latino-americano a romper a barreira dos 52 segundos nos 100m livre: marcou 51s92 na prova.

Sartori chama atenção pela sua técnica e estilo de nado, bastante elogiado por muitos técnicos. As divisões de parciais sempre constantes mostram que ele sabe muito bem administrar suas provas. E a performance nos 400m livre em Aracaju mostra também que o jovem nadador treinado por Fabio Cremonez, é um dos maiores talentos surgidos nos últimos anos. Seu tempo de 4min01s70 lhe daria o título de campeão brasileiro nas categorias juvenil 1 e juvenil 2. Uma mostra que tende a evoluir nas próximas temporadas.

Sartori e seu técnico Fabio Cremonez - Foto: Liliane Yoshino/FAP

Sartori e seu técnico Fabio Cremonez – Foto: Liliane Yoshino/FAP

Em 2017 Sartori passa a competir na categoria juvenil 1 e provavelmente também estará em ação nos campeonatos nacionais absolutos com as grandes estrelas da natação brasileira. Com 15 anos de idade ele estará elegível para disputar uma vaga na seleção brasileira que vai ao Campeonato Mundial Júnior de Indianápolis (a competição masculina será para atletas de 15 a 18 anos) e se continuar nadando neste nível fatalmente deverá estar nas seleções dos Jogos Olímpicos da Juventude em 2018 e do Campeonato Mundial Júnior de 2019.

Murilo Sartori é um diamante que vem sendo muito bem lapidado. Ainda é cedo para criar grandes expectativas, mas graças aos ótimos resultados recentes e a constante evolução a tendência normal é vê-lo no futuro integrando a seleção principal como aconteceu vários outros nadadores que brilharam nas categorias de base.

Por Guilherme Freitas

Tags

Campeonato Brasileiro Infantil categoria de base Murilo Sartori natação americana natação brasileira